Você sabia que mulheres sofrem mais com a dor de cabeça?



A cefaleia, conhecida como dor de cabeça atinge só no Brasil mais de 63 milhões de pessoas de todas as idades, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Entretanto, quem sofre mais com as dores de cabeça são as mulheres. Para cada homem com enxaqueca, existem cerca de 4 mulheres acometidas pelo distúrbio.


Por que as mulheres são mais afetadas? Existem diversos motivos. Mas o principal é o fato de que, no período pré-menstrual, os níveis do hormônio estrogênio caem e acabam provocando dores de cabeça. Isso representa que 70% dos casos de enxaqueca nas mulheres são causadas pelas alterações hormonais nas mulheres.


As dores de cabeça provocadas pelos hormônios devem ser investigadas e a mulher deve procurar o médico ao notar que sente este incômodo sempre no período menstrual.

Dependendo da causa, pode ser curada com medicamentos ou procedimentos cirúrgicos.


Dores de cabeça após os 60 anos

A cefaleia é mais comum durante o período de fertilidade, dos 20 aos 50 anos de idade. Após os 60 anos, a dor de cabeça pode acontecer devido a privação de estrógeno. De qualquer forma, é importante consultar o médico para investigar a causa.


Como aliviar as dores de cabeça sem fazer o uso do remédio?


Confira algumas dicas que podem amenizar a dor de cabeça: - Faça compressa morna e coloque na testa. As bolsas de água morna também são extremamente eficazes para amenizar dores de cabeça;

- Evite luzes e ruídos. Procure deitar-se em um local fresco, sem a presença de luzes e tente relaxar por alguns minutos;

-Escalda-pés. Mergulhe os pés em uma bacia com água morna. Essa técnica ajuda a diminuir a pressão sanguínea e aliviar as dores;

- Fazer pressão na região das têmporas, região lateral da cabeça, entre os olhos e as orelhas. Com as mãos, você pode massagear essa área ou onde está dolorido.